Samba de Raiz, Chorinho e Partido Alto para alegrar os sambistas.

Com repertório  diversificado a Roda de Samba produzida pela Diretoria de Ouro do Cacique de Ramos,  inebriou o publico. No palco  do polo de cultura da Zona da Leopoldina, cantores e compositores renomados,  como: Fulo Santos, Henrique Fubba, Caixa D’água da Portela, Chiquinho Virgula, Alexandre D’Mendes e Jacaré destilaram seus talentos.

Personalidades  vindos da Terra da Garoa, como os sambistas da Vai Vai, atual campeã do carnaval de SP, e da  Sociedade Rosas de Ouro prestigiaram o evento.  Da Cidade Maravilhosa,  representantes da vice e da atual campeã da folia carioca,  Salgueiro e Beija-flor de Nilópolis, além de Jorge Meco, irmão de Zeca Pagodinho curtiram  o Templo Sagrado do Samba.  

Seguindo o intuito da renovação do time de musas, a Diretoria fez mais uma aquisição,  Luciana Braz, de 27 anos,  realizou o sonho de entrar para o seleto time do Cacique de Ramos. A Tribo do Samba ainda reuniu suas beldades para entregar a faixa à nova musa Thais Silva.

Bira Presidente fechou  a noite  com palavras de agradecimento em nome do maior fruto do Cacique de Ramos, o Grupo Fundo de Quintal,  indicado na categoria Melhor Grupo na 26ª  edição do Prêmio da Musica Brasileira.  Mestres do samba, o Grupo Fundo de Quintal comemora  mais esta indicação pelo belo trabalho realizado no álbum Só Felicidade. Recordistas com 18 prêmios da Musica Brasileira ocupam o terceiro lugar no ranking de premiados.

Veja mais fotos!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

CAPTCHA