Cacique de Ramos Olímpico

Foi uma felicidade sem fim, algo mágico que nos contagiou de tal forma que todos que estavam ali foram irradiados pela atmosfera Olímpica. No decorrer do trajeto era possível escutar, olha ali…não é o Bira do Cacique de Ramos e do Grupo Fundo de Quintal…Biraaaa!!!!  Sim, é o Cacique de Ramos! E não é que nosso Líder fez bonito.

Nos seus 79 anos, atleta e amante de esportes, o músico conduziu a Tocha Olímpica com maestria, revezando com as mãos e acenando para povo de Oswaldo Cruz, dando um verdadeiro show de elegância e simpatia.

Ele fez questão de agradecer pela lembrança.

“Graças a Deus, consegui chegar a um estágio dentro do Rio de Janeiro e do Brasil, através dessa mensagem que me dediquei com orgulho e satisfação, alcançando este momento histórico nos meus 79 anos de vida e de história samba. Quero agradecer  aqueles que lembraram de mim. Representei dignamente o querido Cacique de Ramos e o Fundo de Quintal. Foi um fechamento histórico da minha trajetória como sambista, músico, artista brasileiro e patriota de coração,” afirmou emocionado Bira Presidente. 

E assim o dia, 04 de agosto do ano de 2016, entrou para a história do Glorioso Cacique de Ramos. Salve o nosso Rio de Janeiro! Salve São Sebastião! Salve a Tamarineira Sagrada! Salve o Doce Refúgio! Salve Bira Presidente!

[widgetkit id=”133″ name=”Tocha Olímpica”]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

CAPTCHA