Cacique de geração a geração

 A roda de samba do Doce Refúgio possui uma mística própria. O solo é sagrado. Ela reúne sambistas apaixonados e convida os “normais” a se apaixonarem pelo bom batuque, que conta sempre com a participação de sambistas de diversas gerações.

Nesse domingo a “canja” ficou por conta dos cantores Caixa D água da Portela, Marcelo Negrão e do menino de ouro e Fruto da Tamarineira Gabrielzinho do Irajá que, para o delírio do público, versou e encantou a todos com seu talento nato.

Congratulamos nesta “resenha” os 80 anos de vida que o nosso Cacique Maior, Bira Presidente, completou no último dia 23. Afinal… Ele reúne e celebra com toda maestria e simplicidade três grandes conquistas: a vida, 56 anos de Cacique de Ramos e 41 anos de Fundo de Quintal.

Vida Longa ao nosso e para sempre Líder!

Veja mais fotos!